Lançamentos da editora Hortélias

Foto – arquivo pessoal

Livro “A Caixa de Pâmela” será lançado dia 25 de outubro na Secretaria de Cultura

“A Caixa de Pâmela”, da escritora Ângela Hofmann, faz uma releitura do mito de Pandora para a literatura infantojuvenil

Publicações: Literatura RS / Diário de Canoas / Mundo Cult / confira mais no fim do post

A escritora Ângela Hofmann lança, em 25 de outubro, o livro “A Caixa de Pâmela” (editora Hortélias), no auditório da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Canoas/RS (Rua Ipiranga, 105). O evento ocorre das 9h30 às 11h, com entrada franca.

Premiada pelo Programa de Incentivo à Cultura do município de Canoas, a obra faz uma releitura do mito “A Caixa de Pandora” para as crianças de hoje. O livro conta a história da menina Pâmela, que guardava consigo uma caixa dada por sua mãe, que, por sua vez, recebera das gerações passadas de sua família. Proibida de abrir a caixa, Pâmela questiona a norma do silenciamento que se ergue quando não conhecemos nossa própria história e reescreve o caminho ao qual foi destinada.

O lançamento contará com uma conversa com a autora e sessão de autógrafos, além da presença da canoense Bárbara Catarina, atriz, contadora de histórias e coordenadora da equipe de contadores de histórias do QG dos Pitocos da Feira do Livro de Porto Alegre.

 O projeto prevê ainda a realização da oficinas “A Caixa de Pâmela – Literatura infantil, memória e afetos”, para mediadores de leitura e professores e “Oficina de Fomento e Incentivo, para artistas, gestores e agentes culturais”, ambas gratuitas, a serem realizadas em novembro no município. Além disso, serão distribuídos 500 exemplares para a rede municipal de ensino e bibliotecas públicas do município.

São Leopoldo: Livro de contos sobre vivências de jovens será lançado dia 25 de outubro

“Decidi te contar” traz histórias criadas por Ângela Hofmann a partir de momentos que viu, ouviu e vivenciou em sua trajetória como educadora

No dia 25 de outubro, às 18h, a escritora Ângela Hofmann lança o livro “Decidi te contar”, pela editora Hortélias. O evento ocorre dentro da programação da 34° Feira do Livro de São Leopoldo, na Praça Tiradentes, centro do município.

“Decidi te contar” é um livro de contos que expõe os sentimentos, descobertas e perdas, medo e resistência, dor e acolhimento vivenciados por seus protagonistas. Em um mundo de desigualdade de condições e violações de direitos, o desafio da construção do afeto e da ética aponta um caminho a ser percorrido por eles. As histórias pretendem trazer uma reflexão sobre a proteção integral aos direitos assegurados no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), Lei n. 8.069/1990.

Entre as inspirações para as histórias, estão momentos que a autora viu, ouviu e vivenciou durante sua trajetória como professora. “Descobri nessa experiência o quanto é fundamental termos alguém que nos escuta quando precisamos. Uma escuta respeitosa e qualificada, que ajude a nos entendermos melhor e nos oriente a buscar auxílio quando necessário”, observa. A ideia é que os contos possam entrar em sala de aula e provocar a discussão de temas que envolvem o cotidiano de muitos jovens, como o preconceito, a descoberta da sexualidade e a passagem para a vida adulta. 

A obra foi financiada pelo Fundo Municipal de Cultura, da Prefeitura de São Leopoldo, como parte do projeto selecionado “Juventude, Cultura e Direitos: contos juvenis. O projeto prevê ainda oficinas gratuitas sobre literatura juvenil, ética e afeto, além de encontros da autora com estudantes e a doação de 300 livros para a rede pública de ensino, bibliotecas e instituições ligadas à proteção de direitos humanos.